Blog do Vadilson Oliveira A Notícia em Tempo Real..!!!: Morte de torcedor pode tirar Corinthians da Copa Libertadores

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Morte de torcedor pode tirar Corinthians da Copa Libertadores

Postado Por: Vadilson Oliveira - sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

A estreia do Corinthians na Copa Libertadores foi marcada por uma tragédia. Um torcedor de 14 anos do San José foi atingido por um sinalizador durante o empate em 1 a 1 em Oruro. A morte de Kevin Beltrán Espada no estádio Jesús Bermúdez pode até provocar a exclusão do clube do torneio, conforme prevê o novo regulamento da competição.

Doze torcedores foram presos em Oruro e em seis deles haveria vestígio de pólvora. Eles devem ser julgados na lei boliviana e responder processo no país.

De acordo com o coronel Hector Fabio Rios, a polícia boliviana, a vítima foi atingida por um artefato lançado pela torcida corintiana. “Torcedores do Corinthians atiraram um objeto cilíndrico tubular e impactou lamentavelmente, causando a morte do torcedor. Os torcedores do Corinthians foram identificados por profissionais da inteligência da polícia e foram detidos”, afirmou o coronel, que disse que a vítima morreu ainda no estádio. “Ele foi atingido no rosto e faleceu quando recebia os primeiros socorros. A situação era muito grave”.

A morte de Kevin abalou a delegação do clube paulista. O técnico Tite resumiu a dor do clube em uma frase. “Trocaria o meu título mundial pela vida do menino”, disse o Tite, que chorou durante a coletiva. “Não queria fugir da minha responsabilidadae. Quero pedir desculpa ao povo boliviano. Uma vida não tem preço, não se vence a qualquer custo. O esporte tem outro sentido. Estamos muito sentidos”.

O gerente de futebol, Edu Gaspar, também estava emocionado na entrevista coletiva. Ele assistiu das tribunas do estádio os primeiros minutos da partida ao lado de outros membros da comissão técnica e da diretoria e viu o momento em que o torcedor foi atingido pelo sinalizador.

“O foguete passou na nossa frente e caiu a 15 metros da gente. Não consegui visualizar o que tinha ocorrido, mas vi o desespero das pessoas e logo em seguida as pessoas virando contra a gente e nos xingando, atirando algumas coisas. Preferimos voltar para o vestiário, tanto é que não consegui assistir ao jogo. Nessa hora, o resultado da partida pouco importa”, afirmou Edu, que estava muito abalado com a morte do garoto boliviano. “Tenho um filho que vai ao Pacaembu e fica sentado comigo, ao lado da torcida rival. Sinto na pele o que poderia ter passado comigo”.


Isaias Duri, do San José, disputa a bola com Danilo durante jogo no estádio em Oruro, na Bolívia

Exclusão da Libertadores
A tragédia em Oruro pode acabar complicando o Corinthians na competição. O artigo 18 do novo regulamento do torneio prevê a exclusão da competição (atual ou de edições futuras), proibição de jogar em um estádio ou no país ou perda de pontos para casos de comportamento inadequado da torcida. O código disciplinar começou ter validade na primeira fase do torneio, a chamada pré-Libertadores.

O Tribunal de Disciplina e a Câmara de Apelações da Conmebol trabalha como o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). Mas não existe uma procuradoria. Ou seja, cabe aos clubes que se sentirem lesados entrar com um pedido de julgamento. No caso da tragédia de Oruro, caberia ao San José entrar com o recurso.

Em nota, o Corinthians lamentou a morte do garoto boliviano. “A direção do Sport Club Corinthians Paulista lamenta profundamente a morte de um torcedor na partida contra o San José na noite da quarta-feira (20) e se coloca à disposição para ajudar no que for possível, mesmo sabendo que nada apagará a dor causada pelo incidente”.

Apaixonado pelo San José
Kevin era um morador de Cochabamba apaixonado pelo futebol e especialmente pelo San José. Em sua página no Facebook, ele tinha uma grande quantidade de fotos com referência ao clube. O jovem também tinha muita relação com a religiosidade e tinha como foto de perfil uma imagem da Virgem Maria. La Virgen del Socavón, é um símbolo do carnaval da cidade de Oruro.

O garoto viajou para Oruro acompanhado de familiares. Kevin foi atingido por um sinalizador com cinco minutos de partida, após o gol do Corinthians. Ao lado dele, na arquibancada, o primeiro do jovem torcedor contou que ainda chegou a desviar do projétil.

“Houve perda de massa encefálica em razão do projétil, um tubo de plástico, que penetrou até a cavidade craneal, então, a morte foi imediata”, disse o médico que atendeu Kevin, José Maria Vargas. A tragédia revoltou os jornais bolivianos. “Triste estreia do santo (apelido do San José) na Copa”, disse o “Cambio”. “Um saldo lamentável.

A Polícia de Ouro destacou mais de 1000 oficiais dentro e fora do estádio Bermúdez. Contudo, o controle do ingresso de fogos não foi rigoroso. À noite, teve-se que lamentar a morte de um torcedor por causa de um sinalizador”, afirmou a reportagem. O “El Diário” estampou a manchete: “A vida não tem preço”. E disse que o sinalizador que atingiu Kevin saiu da torcida do Corinthians.


 Agência O Globo
 

SIGA NOSSO PORTAL EM »: Twitter ,TORNA-SE UM FÃ EM »: Facebook .FIQUE ATUALIZADO VIA » RSS

0 comentários for " Morte de torcedor pode tirar Corinthians da Copa Libertadores "

Deixe seu Comentário, de Fato é Muito Importante

Deixe seu comentário sobre o blog vadilson oliveira...!

PUBLICIDADE