Blog do Vadilson Oliveira A Notícia em Tempo Real..!!!: Municípios em festa no Pajeú

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Municípios em festa no Pajeú

Postado Por: Vadilson Oliveira - terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Três municípios sertanejos estão em festa no Pajeú : Ingazeira, Iguaracy e Solidão. Em Ingazeira, durante o dia o Prefeito Luciano Torres inaugura o Centro de Atividades Econômicas e a Praça de Alimentação. À noite, a programação termina com os shows de Maciel Melo e a Banda Mel com Terra.


Em Iguaracy, dentre as atividades, haverá show gospel e corte do bolo."Por tradição, concentramos a programação festiva na Festa de São Sebastião em janeiro", explica o prefeito Albérico Rocha.Em Solidão, haverá apresentação de bandas marciais, homenagem aos ex prefeitos e shows com Genailson do Acordeon e Arreio de Ouro. Confira um pouco da história dessas ciddades com base no Wikipedia :
Iguaracy :


Terra de Maciel Melo, primitivamente o município era uma área de pastagem conhecida como Logrador, de propriedade de Antonio Rabelo. As terras foram por ele doadas à Igreja, para o patrimônio de São Sebastião, em 1912. O padre Carlos Cottart construiu uma casa, onde celebrava o culto, o que atraiu o comércio e moradores para o local. Em 1914, o povoado era conhecido como Macacos. Em 1948, o nome foi mudado para Iguaraci.


Há diversas interpretações para o nome Iguaraci. Segundo Roberto Harrop Galvão, Guaraci em tupi antigo quer dizer Sol: guara significa seres viventes e ci, mãe. Para os tupiss, o sol era uma entidade feminina, a Mãe dos Viventes. O nome Iguaraci seria uma diferenciação do município Guaraci, em São Paulo.
Segundo Plínio Salgado, Iguaraci significa aurora (i ou gua quer dizer água, e o sol, no Brasil, nasce do lado do mar). Já segundo Tibiriçá argumenta que a palavra é originária de ycuara-assy, que quer dizer "poço pestilento".
Ingazeira :

Tido como cidade mãe do Pajeú, o município de Ingazeira está localizado na parte setentrional da microregião Pajeú, na porção norte do Estado de Pernambuco, limitando-se geograficamente, ao Norte com os município de Tabira e São José do Egito, ao Sul e Oeste com o município de Iguaraci e ao Leste com o município de Tuparetama. Ocupa uma área de 243,7 km², tendo sua sede situada às margens do Rio Pajeú a uma altitude de 534 metros.
O município de Ingazeira está inserido na grande Depressão Sertaneja, cortada pelo vale formado pelo Rio Pajeú e seus afluentes, com paisagem típica do semi-árido nordestino, caracterizada por uma superfície plana, suavemente ondulada, cortada por vales estreitos, com vertentes dissecadas. Elevações residuais, cristas e outeiros pontuam o horizonte, testemunhando a intensa erosão que atingiram o sertão nordestino desde eras geológicas anteriores.

Solidão
O atual município de Solidão teve origem em meados do século XIX, quando o senhor Euzébio, conhecido como o bandeirante, andava a procura de minérios, e chegando a essa localidade montou morada sob um pé de juá, posteriormente comprou terras onde foi morar com sua família.
Tempos depois deu as terras a sua filha chamada Conceição, que depois de algum tempo vendeu a um senhor vindo de Monteiro na Paraíba, chamado Jesuíno Pereira, por volta de 1870, embora só veio morar na localidade em 1907, quando começou a construir algumas casas de alvenaria. Jesuíno era um homem religioso e resolveu convidar o padre Carlos Cottart de Afogados da Ingazeira, para celebrar uma missa em sua casa, no ano de 1910. Quando o padre chegou na casa do senhor Jesuíno, disse: - Que solidão! - Jesuíno não sabia o que significava aquela palavra e perguntou ao padre o seu significado. O padre lhe respondeu que solidão é um lugar deserto, isolado. Desde então o local ficou sendo chamado de Solidão.

Jesuíno tinha vontade de construir uma capela na região, porém faleceu mesmo antes de iniciar a obra. Em sua honra, sua esposa, o senhor João Batista de Oliveira e toda a população deu início à construção da capela. A construção ficou pronta em 1947 e foi colocada a imagem de Nossa Senhora de Lourdes, que é a padroeira do município.
Como a cidade fica localizada no sopé da serra homônima, o padre Osvaldo da cidade de Tabira, juntamente com a população, construíram uma escadaria com uma gruta onde colocaram uma imagem de Nossa Senhora de Lourdes, ao lado da gruta começou a minar por entre as pedras uma água límpida, que foi usada por bastante tempo tida como milagrosa e começaram a surgir as romarias, até os dias atuais são pagas bastantes promessas à Nossa Senhora de Lourdes pelos romeiros, por graças alcançadas.


Fonte:Nill Júnior

SIGA NOSSO PORTAL EM »: Twitter ,TORNA-SE UM FÃ EM »: Facebook .FIQUE ATUALIZADO VIA » RSS

0 comentários for " Municípios em festa no Pajeú "

Deixe seu Comentário, de Fato é Muito Importante

Deixe seu comentário sobre o blog vadilson oliveira...!

PUBLICIDADE